CLÉRIO'S HOME PAGE
CLÉRIO JOSÉ BORGES DE SANT´ANNA                                             VOLTAR


CARTA ABERTA DOS TROVADORES



Propostas apresentadas em plenário e aprovadas durante os Congressos de Poetas Trovadores.

Abaixo a Carta de Eurico Salles, datada de 07 de Novembro de 2010

Abaixo a Carta de Domingos Martins, ES, datada de 21 de Outubro de 2001

CARTA DE EURICO SALLES DE 2010

Legenda das Fotos: Trovador Agostinho Rodrigues fazendo a leitura da Carta de Eurico Salles, no dia 07/11/2010, por volta de 11,00 horas da manhã. No centro de camisa amarela, Clério José Borges e ao seu lado o Secretário de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer da Prefeitura Municipal da Serra, Osmar Nascimento ouvindo a Leitura da Carta. Na segunda foto, a entrega da Carta ao Exmo. Sr. Secretário Osmar Nascimento. Na terceira foto, momento do Discurso do Secretário após receber a Carta de Eurico Salles.

Legenda das Fotos: Momentos do VII Congresso Brasileiro de Poetas Trovadores realizado de 05 a 07 de Novembro de 2010, em Eurico Salles, Carapina, Serra, ES, em promoção do Clube dos Trovadores Capixabas, CTC.

Carta de Intenção dos Trovadores participantes do VII CONGRESSO BRASILEIRO DE POETAS TROVADORES, promovido pelo Clube dos Trovadores Capixabas, CTC, Eurico Salles, Serra, ES, sob a presidência de Clério José Borges de Sant Anna, no período de 05 a 07 de Novembro de 2010.

Após a realização das atividades programadas pelo referido Congresso foi nomeada uma Comissão para a elaboração da Carta que norteou o encaminhamento de propostas, aprovadas após debates de participantes da Assembléia Geral.

 

1º - Criação, se for o caso, de uma LEI ESPECÍFICA, que inclua A TROVA COMO BEM IMATERIAL DE CULTURA, CONFORME A LEI Nº 8.895/2003, que estabelece que qualquer pessoa ou sociedade civil solicite registro de bens culturais no Brasil, onde os poderes públicos executivos, municipais, estaduais e federal, têm a obrigação de criar políticas públicas para a preservação dos patrimônios culturais imateriais ou intangíveis, onde os saberes, modos de fazer, formas de expressão, como no caso da TROVA, são exemplos de bens imateriais, denominação esta utilizada a partir de 1997 pela Organização das Nações Unidas para Educação Ciência e Cultura (UNESCO), devendo pois o registro ser  inscrito em um dos quatro Livros que incluem os Saberes e Modos de Fazer, Eventos e Celebrações, Expressões Lúdicas e Artísticas, e Espaços destinados a Práticas Culturais Coletivas.

2º - Que os Poetas Trovadores que possuam Livros publicados sejam convidados pelos Poderes Municipais e Estaduais para que suas obras poéticas sejam consideradas LIVROS PARADIDÁTICOS, a serem adotados para estudos na REDE ESCOLAR MUNICIPAL, ESTADUAL E FEDERAL, nos próximos anos.

- Que seja estimulada a reciclagem e habilitação de professores de Língua Portuguesa e Literatura, desde o Ensino Fundamental, médio até o Universitário, com vistas ao estudo da evolução da TROVA, composição poética de quatro versos setesilábicos, com rima e sentido completo, da Idade Média até a atualidade.

4º - Necessidade de divulgar adequadamente a Definição correta de TROVA, às mais diversas finalidades tais como: ensino, tradução, interpretação, elaboração de dicionários e glossários.

5º - Aquisição pelo MEC – Ministério da Educação e Cultura, a nível Federal; pelas Secretarias de Educação e Cultura à nível Estadual e Municipal, para a divulgação de Livros de TROVAS de Autores brasileiros para compor o acervo das Bibliotecas Públicas Escolares.

 

Assinam esta Carta, com a aprovação do Plenário do Congresso, do Presidente do CTC, Clério José Borges; Do Presidente da Comissão da Carta de Eurico Salles e dos vogais abaixo: Presidente: AGOSTINHO RODRIGUES, da Cidade de Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro; Vogal: DALVA MEIRELLES, da Cidade do Rio de Janeiro; Vogal: José Viana Gonçalves, da Cidade de Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro; Vogal: Olga Magalhães, da Cidade de Itaberaba, Bahia; Vogal: Sílvia Araújo Motta, da Cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais.

Clério José Borges de Sant Anna

Presidente do CTC – Clube dos Trovadores Capixabas

Sede provisória: Rua dos Pombos, 2 – Eurico Salles Carapina Serra ES

20160-280 Tel.: 0 xx 27 3328 07 53

E-mail: clerioborges@hotmail.com



Segue abaixo o Texto Original da Carta de Eurico Salles, com as Assinaturas. O texto depois foi revisado e definido conforme consta acima.



A CARTA DE DOMINGOS MARTINS
CARTA ABERTA DOS TROVADORES


Domingos Martins, ES, 21 de Outubro de 2001

Na foto alguns momentos do Congresso de Domingos Martins em 2001. Clério com o Sr. Roberto Kaustky, Orquidófilo; No Desfile Troveata, pelas ruas da Cidade; Clério com o Prefeito da Cidade e momento da Missa em Trovas, na Praça Principal da cidade

Realizado nos dias 19, 20 e 21 de Outubro de 2001, em Domingos Martins, ES, o Congresso Brasileiro de Trovadores, a Assembléia Geral discutiu e aprovou em plenário as seguintes propostas:

1) É válido e bom a cobrança de taxa mínima simbólica dos participantes nos Concursos futuros, afim de acobertar pequenas despesas, como expedição de correspondências;
2) É válido e bom que os Trovadores participem das Antologias publicadas pelas editoras, porém deverão cuidar para que cobrem valores mais justos, facilitando a participação de todos, uma vez que os Trovadores é que estarão produzindo a "Matéria Prima" para a publicação.
3) Foi apresentado um trabalho pela Trovadora Célia Maria Barbosa Rodrigues, intitulado "A POESIA NA ESCOLA". A Assembléia decidiu por unanimidade que o referido trabalho deverá ser enviado ao Exmo. Senhor Ministro da Educação - MEC, bem como aos Secretários de Estado de Educação e Cultura, do Espírito Santo, Minas Gerais, etc., sendo a autora do trabalho, por decisão da Assembléia, será encarregada de encaminhar os mencionados documentos.
4) A forma mais simples para cada Trovador divulgar seus trabalhos será procurar pessoas que trabalhem com Computador e que tenham programas próprios para editar livros.
5) A INTERNET é atualmente poderoso meio de divulgação dos trabalhos. A Home Page poderá mostrar seu trabalho para o mundo.
6) A Assembléia sugeriu e aprovou que nos próximos Concursos seja limitado o máximo de 5 (cinco) trabalhos por Trovador e que haja também 2 (duas) categorias de participantes (Iniciantes e Veteranos).
Agradecidos aos que aqui nos brindaram com a presença e lamentando a ausência dos que não compareceram, subscrevemo-nos
Atenciosamente.

OTÁVIO ROSADO DE OLIVEIRA, Eleito REI dos Trovadores, de Belo Horizonte, MG CÉLIA MARIA BARBOSA RODRIGUES, Belo Horizonte, MG
LUIZ CARLOS DO COUTO, Cantagalo, Rio de Janeiro
CLEUSA LOURDES MADUREIRA VIDAL, Vila Velha, ES
CLÉRIO JOSÉ BORGES DE SANT´ANNA, Serra, ES
MARIA JOSÉ DE FIGUEIREDO CIRIACO, Rio de Janeiro, RJ
MORGANA R. SILVA FLÔR, eleita MUSA dos Trovadores, BETIM, MG
JACY GOMES ROMEIRO, de Belo Horizonte, MG
ENEIDA GOMES FLÔR, eleita RAINHA dos Trovadores, Divinópolis, MG
ZENAIDE EMÍLIA THOMES BORGES, Eurico Salles, Carapina, Serra, ES
LEVI ANUNCIAÇÃO, São Gonçalo, Rio de Janeiro
WALTAIR MARQUES SERRANO, Santana, Cariacica, Espírito Santo
KÁTIA MARIA BÓBBIO LIMA, Vitória, ES
MARGARETE SCHWAMBACH, Domingos Martins, ES
Várias outras assinaturas





VOLTAR


Copyright © 2010/2011/2012 - All Rights Reserved: CJBS