CLÉRIO'S HOME PAGE
CLÉRIO JOSÉ BORGES DE SANT´ANNA                                             VOLTAR

História do VITAL

Ingressos do VITAL: Galera do Fã Clube de Ivete Sangalo Na década de 90 do século passado, os Carnavais fora de época se transformaram em Tradição por todo o Brasil. Em Vitória, Capital do Espírito Santo não poderia ser diferente. A micareta do Vital, Carnaval fora de época de Vitória, Espírito Santo foi realizada durante treze anos, de 1994 a 2006.

Segundo o escritor Lucas Monteiro, a história do Vital começou com um sonho de dois capixabas e um baiano que gostavam muito de brincar o Carnaval de Salvador: os dois primeiros atendem pelo nome de Rommel Rubim Dias, mais conhecido como Rominho, e Abner Garcia Romano, o Biné. O baiano em questão é Américo Teles, que há anos mora no Espírito Santo. Entre um carnaval e outro, essa turma começou a pensar se não seria legal fazer algo parecido com a festa baiana em Vitória. Um dia, eles se reuniram em um bar, precisamente o Discrepância, um dos mais famosos do Triângulo e que pertence ao Bine, e nascia ali o que é hoje um dos mais famosos carnavais fora de Época do Brasil, o Vital. Rominho conta que já há algum tempo pensava em trazer um trio elétrico para Vitória. 'Não me recordo a data, mais foi logo depois do carnaval de 94, que conheci o Américo no antigo Discrepância e, junto com o Biné, decidimos fazer a Lavagem do Triângulo', recorda. Américo lembra que o evento foi inspirado na Lavagem, festa típica de Salvador, sendo a mais famosa a Lavagem das escadarias da Igreja do Nosso Senhor do Bonfim. No começo, pensou-se em batizar o evento de Lavagem do Crepe, mas como o nome ficaria muito restrito ao bar Discrepância, surgiu então a idéia de se chamar o evento de Lavagem do Triângulo. Mas uma festa como essa não teria sentido sem a existência de um bloco. Depois de algumas sugestões, ficou decidido que o bloco se chamaria Mukeka, em referência ao prato típico do Espírito Santo. E assim foi se organizando a festa que era apresentada ao longo da Av. Dante Michellini na Praia de Camburi - Vitória-ES.

Portanto o Vital nasceu em 1994, a partir da tradicional Lavagem do Triângulo, na Praia do Canto e na sua primeira edição movimentou um público de 60 mil foliões na Avenida Dante Michelini. Ao som das Bandas Asa de Águia e Furta Cor de Salvador, e da animação do Bloco Mukeka, o primeiro evento foi marcado da certeza de sucesso nos anos seguintes. Em 1995, o número de foliões saltou para 200 mil. Em 1996 o Vital levou 700 mil pessoas para a Praia de Camburi e engrossou ainda mais o cordão dos Blocos e Bandas. Nos anos seguintes a cada uma das edições cerca de 700 mil pessoas iam para a Praia de Camburi cantando e dançando ao som das bandas famosas.

No ano de 2000, a festa estava ainda maior. Esperando cerca de 700 mil foliões – 40 mil turistas – o Vital contou com grandes nomes, como Chiclete com Banana, Banda Beijo e Ivete Sangalo, e marcou a estreia do Bloco Siri na Lata. Em 2003, a micareta contou com uma grande estrutura: 400 camarotes, 2 mil lugares nas arquibancadas, 140 toneladas de estrutura metálica e 5 blocos, com todas as grandes atrações da época.

O Vital 2005, último na Praia de Camburi, reuniu turistas de vários estados do país e foi considerado o melhor e maior de todos os anos. Em 2006, Após problemas com moradores da região de Camburi, o Vital ganhou uma nova estrutura, tornou-se “in door”, na Praça do Papa, contando com apenas dois grandes blocos: Nana Banana e Uau Cerveja & Coco. A promessa do Vital 2007 em uma nova área de eventos, a “Arena Vital”, não foi possível de ser realizada e, junto com a Ondaluz Eventos, a micareta chegou ao fim.

Como vimos, uma das maiores micaretas do país não começou com todas as grandes atrações, somente com uma, e com o apoio dos foliões e o trabalho da organização, tornou-se um evento que marcou e muito a história de foliões de todo o país.

Um dado estatístico importante. Segundo registros o Vital atraiu cerca de 2.100.000 pessoas nos anos de 2002, 2003 e 2004. O Vital era a melhor micareta da região sudeste. O Vital chegou a ser considerada a melhor Micareta do Brasil em pesquisa realizada pelo Site Carnasite, que divulgou o seguinte resultado: 1º) Vital 15,60% 2º) CarnaBrahma de Belô 15,43% 3º) Carnatal 13,35% 4º) Lavras Folia 11,86% 5º) Axé Uberaba 6,76% 6º) Fortal 6,47% 7º) Carnalfenas 6,01% 8º) Carnariopreto 5,84% 9º) Carnavotu 5,72% 10º) Marafolia 4,37% 11º) Carna7 3,72% 12º) Parafolia 1,93% 13º) Carnagoiânia 1,57% 14º) Micarecandanga 0,72% 15º) Niterói Folia 0,63 Parabéns Ivete por você existir e alegrar as nossas vidas !!!



Banda Banupd no Vital 2002

As meninas (mulheres) que comandam a banda Banupd abriram o segundo dia de Vital 2002, pontualmente às 17h. Elas cantaram os maiores sucessos do axé music. Pena que os foliões nas arquibancadas e camarotes ainda eram poucos.
Natural de Piúma - ES (Cidade das Conchas, no Litoral Sul do Estado do Espírito Santo), Banupd é uma banda formada de componentes família. São irmãos, primos e amigos. É composta de três vocalistas femininas e um vocalista masculino, atendendo: Axé, Forró Pé de Serra; Forró Gaucho; Anos 60; Sertanejo; Funk e Gospel, etc...


PRIMEIRA, ÚNICA E ÚLTIMA DIRETORIA DO FÃ CLUBE CAPIXABA DE IVETE SANGALO

ALEGRIA DA FESTA RAINHA DO BRASIL, Fã Clube Capixaba de Ivete Sangalo foi fundado pelo Escritor, Clério José Borges, no dia 16 de Novembro de 2002 no Camarote do Marcão - 2º Andar - Vital 2002 - Praia de Camburi - Vitória - Espírito Santo - Brasil.
Presidente: Clério José Borges
(Na foto da esquerda Marcão de boné e Clério. Na foto da direita Clério recebendo a visita no Camarote do Marcão, do Vital 2004, de João Coser, atual Prefeito de Vitória e Renato Casagrande, atual Governador do Estado do Espírito Santo). Vice-Presidente: Cleberson José Thomes Borges.
Secretário: Marcão (Marcos Carvalho, pagodeiro da Ilha de Santa Maria em Vitória, Capital do Espírito Santo)
Membros Fundadores: Zenaide, Clérigthom, Zuleide, Zoemia, Zilda, Nilda, Zilma...
Correspondência:
Rua dos Pombos, 2 - Eurico Salles - Carapina - Serra - ES - Cep: 29160-280
Telefone: O xx 27 92 57 82 53 - E-mail: clerioborges@hotmail.com

OBSERVAÇÃO: Com o fim do Vital em 2006, o Fâ Clube foi extinto, embora o amor por IVETE seja para sempre. A turma se desintegrou. Casamentos foram desfeitos. Os mais novos casaram e mudaram os rumos de suas vidas e assim por diante. Fica o registro e a história. Obrigado IVETE por alegrar as nossas vidas com o seu sorriso e sua música.





VOLTAR


Copyright © 2004 / 2012 - All Rights Reserved: CJBS

clique aqui!
by Banner-Link