Posse na Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores ACLAPTCTC, em Teixeira de Freitas, Bahia.

2019 – ACLAPTCTC REALIZA POSSE ACADÊMICA EM TEIXEIRA DE FREITAS, BAHIA. Três imortais da Academia Teixeirense de Letras (ATL) foram empossados.

Academia Capixaba de Poetas Trovadores Acadêmicos Correspondentes ACLAPTCTC Eventos Nacionais Viagens e Passeios

ACADEMIA CAPIXABA DE LETRAS E ARTES DE POETAS TROVADORES, ACLAPTCTC É HOMENAGEADA NA CIDADE DE TEIXEIRA DE FREITAS, BAHIA E FIRMA PARCERIA PARA A REALIZAÇÃO DE CONCURSO DE ÂMBITO NACIONAL

A Academia Teixeirense de Letras (ATL) realizou dia 15 de agosto de 2019, uma quinta feira, sessão solene, com início às 19h, no auditório da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, com a participação de convidados e de vários Acadêmicos da ATL e de uma pequena Delegação da Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores composta dos Acadêmicos, Givaldo Inácio da Silva, o Mestre Gil; Angelina Jucá Monteiro de Barros; Zenaide Emília Thomes Borges e do Presidente da ACLAPTCTC, Clério José Borges de Sant Anna. Entre as atrações do evento foi a convocação dos Acadêmicos para participação na antologia “ATL em Verso e Prosa” – volume 4; a leitura do edital para a eleição do novo acadêmico que vai ocupar a Cadeira 37; a homenagem a artistas plásticos da região, como Gilberto Bahia e D’Jane Silper, bem como a instituições culturais, como o Movimento Cultural Castro Alves e a Escola de Música Villa Lobos. Na mesma Sessão Solene os presidentes da Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores (ACLAPTCTC), Clério José Borges, e da Academia Teixeirense de Letras (ATL), Almir Zarfeg, assinaram Termo de Parceria que garante o apoio da confraria capixaba na organização do Prêmio Castro Alves de Literatura 2020. A parceria foi sacramentada no evento solene da ATL e assegura a participação da ACLAPT na organização do certame, no tocante à versão nacional, que será acrescentada à premiação na próxima edição. Na prática, o concurso literário continuará sendo realizado pela ATL, nas categorias Poema e Crônica. A premiação também caberá à instituição Literocultural. A partir de 2020, porém, o prêmio terá três versões: regional, estadual e nacional. Os textos inscritos na versão nacional, em verso e prosa, é que serão avaliados por duas comissões julgadoras formadas por membros da Academia Capixaba de Poetas Trovadores. Essas comissões serão presididas por Clério José Borges. “A parceria com a ACLAPT, que diz respeito apenas à 4ª edição do prêmio, vai imprimir importância à premiação. Por isso, ela é muito bem-vinda”, comentou Zarfeg. Ele adiantou que as inscrições para a 4ª edição do Prêmio Castro Alves de Literatura 2020 serão abertas em dezembro de 2019 e a premiação ocorrerá em Sessão Solene no dia 14 de Março de 2020. No mesmo evento realizado em 15 de agosto de 2019, o presidente da Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores (ACLAPT), Clério José Borges Sant’ Anna, falou sobre o tema “A trova nossa de todo dia”. Desde que foi instalada em junho de 2016, a ATL se tornou espaço privilegiado para os artistas da palavra na região discutirem literatura e, também, divulgarem suas produções. Na ocasião o Presidente da ACLAPTCTC, Clério José Borges convidou oficialmente a ATL (Academia Teixeirense de Letras) para um apresentação especial durante o XVII Congresso Brasileiro de Poetas Trovadores que será realizado de 14 a 17 de Novembro de 2019, na Cidade de Iúna, ES, na divisa entre Espírito Santo e Minas Gerais, em comemoração aos 39 anos do movimento em torno da Trova no Brasil, denominado NEOTROVISMO, em parceria da Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores (ACLAPTCTC), com a Academia Iunense de Letras e apoio da Prefeitura Municipal de Iúna. Hashtag: #Iunaes#Iúnaes#Iuna#PicodaBandeira#CongressodePoetasTrovadoresemIuna

Patrícia Brito empossada na ACLAPTCTC, cadeira N.º 44

Três imortais da Academia Teixeirense de Letras (ATL) foram empossados na noite dessa quinta-feira (15), durante evento solene, Membros Correspondentes da Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores (ACLAPT-CTC).

Trata-se dos acadêmicos Patrícia Brito, Erivan Santana e Armando Azevedo, empossados nas Cadeiras 44, 45 e 46 da ACLAPT, tendo como patronos os saudosos Altamirando Rodrigues da Silva, José Carlos Santos dos Reis e Frans Krajcberg, respectivamente.

Os três foram empossados pelo presidente da ACLAPT, Clério José Borges, durante sessão solene da ATL. O juramento acadêmico sacramentou a posse deles como Membros Correspondentes.

Patrícia Brito, que já ocupa a Cadeira 22 da ATL, é escritora, blogueira e contadora. Escreveu os livros “Decidir os caminhos da vida” (2017) e “Cuida bem de mim!” (2018), além de participações em antologias e conquista de alguns prêmios.

Erivan Santana (Cadeira 36 da ATL) é poeta, cronista e educador. Publicou os livros “Para ler um poema” (2018) e “Tempos sombrios: instantâneos da realidade” (2019). É autor também premiado.

Já Armando Azevedo (Cadeira 15) é poeta popular com destacada atuação no magistério. Escreveu “Itamaraju e o Monte Pascoal”, obra de 2009. Com o cordel “Feira de Bom Jesus da Lapa”, conquistou o 1º lugar na versão interna, categoria poema, do Prêmio Castro Alves de Literatura 2018.

“Muito bom ver os queridos e talentosos confrades dando voos mais altos em direção à conquista e ao reconhecimento. Meus parabéns pros três”, comemorou Almir Zarfeg, presidente da ATL.

Armando Azevedo empossado na Cadeira 46 da ACLAPT
Erivan Santana empossado na Cadeira 45 da ACLAPT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *