asclepio-deus-da-medicina-em-Vitória-ES

ASCLÉPIO, TAMBÉM CONHECIDO COMO ESCULÁPIO OU “Ἀσκληπιός”, É O DEUS GREGO DA CURA E DA MEDICINA

Curiosidades Especiais Livro de Fatos Curiosos de Clério José Borges
Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES. Inaugurada no dia 02 de dezembro de 1971.
Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES. Inaugurada no dia 02 de dezembro de 1971.

Asclépio é o Deus Grego e Romano da Medicina e em algumas versões, foi um dos 15 deuses olímpicos. As primeiras referências a ele vêm do poeta Homero, um controvertido personagem histórico que teria vivido no século VIII a.C. Nas obras de Homero, principalmente na Ilíada, mas também na Odisseia, Asclépio ainda não tem caráter divino e é mostrado como um médico poderoso, de grande saber. Hesíodo cujas obras principais A Teogonia e Os Trabalhos e os Dias, datam provavelmente de meio século depois de Homero, já confere um caráter de divindade a Asclépio, apresentando-o como filho de Apolo. 

Segundo Hipócrates, a doença surge quando a natureza está em desequilíbrio físico ou psíquico. Ademais, consta na história que o culto a Asclépio firmou, principalmente no Peloponeso, onde se estabeleceu uma escola de medicina com práticas mágicas. 

Além disso, havia oráculos e, entre eles, o de Epidauro, onde enfermos buscavam respostas e cura para enfermidades. Assim, as serpentes eram consagradas a Asclépio devido à superstição de que elas possuíam a capacidade de juventude, advinda da troca de pele. 

O mito de Asclépio, que teve seu nome latinizado para Esculápio, na mitologia romana, é descrito no século V a.C. pelo poeta Píndaro: a ninfa Coronis, grávida do deus Apolo, teve um romance com o mortal Isquis. Apolo descobriu a traição e fez com que sua irmã Artemis fulminasse Coronis com um raio. Já com Coronis na pira funerária, pronta para ser cremada, Apolo arrependeu-se e conseguiu retirar o filho ainda vivo do ventre da ninfa. A este filho chamou Asclépio e delegou sua educação à Quiron, um centauro que detinha os segredos da medicina.   

Asclépio rapidamente aprendeu os segredos de Quíron e logo era capaz de realizar todas as curas. Mais do que isso: conseguiu ressuscitar alguns mortos. Hades, deus dos mortos, vendo quebrada a ordem natural das coisas, queixou-se a Zeus, que, irado, e temendo que Asclépio tornasse os homens imortais, fulminou-o com um raio, porém acabou reconhecendo o seu valor e logo o elevou à categoria de deus.

Além dos filhos médicos Macaon e Podalírio, descritos por Homero na Ilíada, Asclépio teve mais 4 filhas que o auxilivam: Aceso, a cuidadora, Iaso, que curava, Panacéia, que tinha o conhecimento de todos os remédios e Higéia que conhecia os segredos da conservação da saúde. Os termos higiene e higidez são derivados de seu nome.

Ao longo do tempo, o culto a Asclépio foi se expandindo. Desde o século VI a.C. existiam templos chamados Asklepeion, erigidos em sua homenagem, em várias localidades, como Cós, Cilene, Siracusa, Pérgamo e Epidauro, este o mais famoso e que teria sido construído sobre a sepultura do próprio deus. Os templos eram construídos em locais aprazíveis e dispunham sempre de um bosque sagrado e uma fonte de água límpida. Existem hoje 410 ruínas de asklepeions na Grécia.

A Mitologia Grega possui várias figuras representativas encontradas nos dias atuais. Um deles é Asclépio, que ficou conhecido como o deus da medicina. Por ser associado à medicina, entretanto, o deus preocupava-se com saúde e também com os problemas do homem. Ele também era chamado de Esculápio pelos povos de língua latina. 

No entanto, Asclépio nasceu como mortal, porém as suas ações o fizeram deus encontrado na Terra, entre os homens, curando doenças. Posteriormente, Asclépio também surgiu como deus na mitologia grega, com poder de curar enfermos. Contudo, alguns registros históricos dizem que ele se transformou em uma constelação: o Serpentário. 

Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES.
Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES.

Filhos de Asclépio  

O deus da medicina foi casado com Epione, deusa do calmante. Contudo, ele teve oito filhos. 

  • Panacea – deusa de medicamentos 
  • Hygeia – deusa da saúde 
  • Iaso – deusa da recuperação 
  • Aceso – deusa do processo de cicatrização 
  • Aglaea ou Aegle – deusa da magnificência e esplendor 
  • Machaon e Podalirius eram curandeiros lendários que lutaram na guerra de Tróia 
  •  Telesphorus – junto com a irmã Hygeia, simbolizava recuperação 
Estátua do deus Asclépius  -  Asclépio deus da medicina.
Estátua do deus Asclépius – Asclépio deus da medicina.

Culto a Asclépio

Basicamente, o culto a Asclépio iniciou em Roma, devido a uma epidemia, ao enviar uma embaixada ao templo de Epidauro, cidade da Grécia Antiga, em busca de ajuda. Diante disso, o deus da medicina teria acatado a solicitação e acompanhado a embaixada em forma de serpente. 

Ao chegar em Tibre, a serpente tomou posse da ilha, onde ergueu-se um templo dedicado ao deus. Como resultado disso, e devido ao reconhecimento, seus santuários converteram-se em sanatórios.

Entretanto, a arte da cura e da medicina era praticada pelos Asclepíades, como eram chamados seus seguidores. Dentre eles, um dos mais célebres era Hipócrates, precursor da ciência grega da medicina.

Estátua do deus Asclépius - Asclépio deus da medicina. Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES. Inaugurada no dia 02 de dezembro de 1971.
Estátua do deus Asclépius – Asclépio deus da medicina. Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES. Inaugurada no dia 02 de dezembro de 1971.
Asclépio deus da medicina. Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES.
Asclépio deus da medicina. Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES.
Doutorandos de Medicina de 1971. Placa na Estátua do deus Asclépius - Asclépio deus da medicina. Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES. Inaugurada no dia 02 de dezembro de 1971.
Doutorandos de Medicina de 1971. Placa na Estátua do deus Asclépius – Asclépio deus da medicina. Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES. Inaugurada no dia 02 de dezembro de 1971.
Estátua do deus Asclépius no Hospital das Clínicas no bairro de Maruipe em Vitória ES. Asclépio deus da medicina em Vitória ES. Inaugurada no dia 02 de dezembro de 1971.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *