Francisco Manoel da Silva - Autor da Música do Hino Nacional Brasileiro.

HISTÓRIA DO HINO NACIONAL BRASILEIRO – No dia 13 de abril de 2021 completaram-se 190 anos do Hino do Brasil

HINO NACIONALLetra: Joaquim Osório Duque EstradaMúsica: Francisco Manuel da Silva I Ouviram do Ipiranga as margens plácidas(As margens pacíficas do Ipiranga ouviram)De um povo heróico o brado retumbante,(O grito de um povo heróico que, ao longe, pôde ser ouvido)E o sol da liberdade, em raios fúlgidos,(E o sol da liberdade, com raios que brilhavam muito)Brilhou no céu […]

Continue lendo
Sessão Solene do dia 15 de Setembro de 2005, quando o Escritor Clério José Borges recebe o Diploma de HISTORIADOR DA CIDADE DA SERRA - ES, das mãos do Vereador TIO JOÃO (João de Deus Corrêa), observando-se o plenário lotado.

DIA DO HISTORIADOR NA CIDADE DA SERRA – ES. Sessão Solene na Câmara Municipal da Serra, 2005, 2006 e 2007.

Serra: Emancipação – O município da Serra foi criado em 1833, com território desmembra­do do município de Vitória, através da resolução do Conselho de Governo de 2 de abril de 1833 e instalado em 19 de agosto daquele ano. Fundação: 08 de Dezembro de 1556 e Dia do Serrano, dia 26 de Dezembro. A Festa […]

Continue lendo
Marechal Deodoro da Fonseca

PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA DO BRASIL – 1889

PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA Pesquisa de Clério José Borges. Documentos Históricos    A proclamação da República foi marcada por dois documentos que possuem tons diferentes. A Proclamação ao Povo Brasileiro, que instaura o novo regime, busca tranquilizar a população, manter a legitimidade dos funcionários do Estado até novas mudanças, e garantir o cumprimento dos compromissos financeiros com outros países.   […]

Continue lendo
História da Colonização capixaba, Espírito santo.

ESPÍRITO SANTO, BRASIL!!! História do Espírito Santo – Colonização – Heróis. Pontos Turísticos

Com a carta de doação, recebida em 1º de junho de 1534, Vasco Coutinho desembarcou na capitania no dia 23 de maio de 1535, desembarcando na atual Prainha de Vila Velha, onde fundou o primeiro povoamento. Como era oitava de Pentecostes, o donatário batizou a terra de Espírito Santo, em homenagem à terceira pessoa da Santíssima Trindade. Para colonizar a terra, Vasco Coutinho distribuiu sesmarias entre os 60 colonizadores que com ele vieram.

Continue lendo