Gêneros literários são as categorizações dos textos literários a partir de alguns critérios, como semântica, contexto e estrutura.

GÊNEROS LITERÁRIOS: LÍRICO, NARRATIVO, POESIA, ROMANCE, CONTO, NOVELA, EPOPÉIA LITERATURA: LITERA (PALAVRA)

Especiais Gêneros Literários Literatura
Gêneros Literários
Gêneros Literários

A história da literatura estuda os movimentos literários, artistas e obras de uma determinada época com características gerais de estilo e temáticas comuns, e sua sucessão ao longo do tempo.

As histórias da literatura são divididas em grandes movimentos denominados eras, que se dividem em movimentos denominados estilos de época ou escolas literárias.

Cada escola literária representa as tendências estético-temáticas das obras literárias produzidas em uma determinada época.

O dicionário Michaelis define literatura como “arte de compor escritos em prosa ou em verso, de acordo com determinados princípios teóricos ou práticos”. Outra definição é “o conjunto das obras literárias de um país, um gênero, uma época etc. que, pela qualidade de seu estilo ou forma e pela expressão de ideias de interesse universal ou permanente, têm reconhecido seu alto valor estético”.
Dessa forma, pode-se entender a literatura como uma forma de expressar sensações, desejos ou emoções por meio das palavras e diferentes tipos de textos. Essa diversidade é classificada em gêneros literários.

Classificação dos gêneros literários

Na Grécia Antiga, o filósofo Aristóteles (384 a.C.-322 a.C.) realizou a primeira classificação dos gêneros literários em: Lírico, Épico e Dramático. Anos depois, o gênero épico passou a ser denominado como narrativo. Conheça mais sobre cada um deles.Gênero Lírico

O Gênero Lírico é um dos gêneros literários que se caracteriza pela escrita pela expressão de sentimentos e emoções íntimas em primeira pessoa e pela subjetividade do autor, o chamado eu-lírico. Do latim, a palavra lírico significa “lira”, instrumento de cordas muito utilizado na Grécia Antiga para acompanhar as récitas dos poéticas e os textos desse gênero apresentam justamente esse atributo melódico, rítmico e poético.
Esse gênero literário pode ser subdividido em:
Poesia: uma das formas de literatura da antiguidade, a poesia é dividida em versos que formam estrofes. Por meio da metáfora, o autor expressa suas opiniões e visões pessoais. Veja o exemplo da poesia de Vinícius de Moraes, “Soneto de Constrição”.“Eu te amo, Maria, eu te amo tantoQue o meu peito me dói como em doençaE quanto mais me seja a dor intensaMais cresce na minha alma teu encanto
Como a criança que vagueia o cantoAnte o mistério da amplidão suspensaMeu coração é um vago de acalantoBerçando versos de saudade imensa.
Não é maior o coração que a almaNem melhor a presença que a saudadeSó te amar é divino, e sentir calma…”
Soneto: é um poema dividido em 14 versos – dois quartetos (conjunto de quatro versos) – e dois tercetos, que é um conjunto de três versos. Analise abaixo o trecho do “Soneto da Felicidade” de Vinícius de Moraes. “De tudo ao meu amor serei atentoAntes, e com tal zelo, e sempre, e tantoQue mesmo em face do maior encantoDele se encante mais meu pensamento
Quero vivê-lo em cada vão momentoE em seu louvor hei de espalhar meu cantoE rir meu riso e derramar meu prantoAo seu pesar ou seu contentamento
E assim, quando mais tarde me procureQuem sabe a morte, angústia de quem viveQuem sabe a solidão, fim de quem ama…”

Gêneros literários são as categorizações dos textos literários a partir de alguns critérios, como semântica, contexto e estrutura.
Gêneros literários são as categorizações dos textos literários a partir de alguns critérios, como semântica, contexto e estrutura.

Ode: é um poema muito elaborado que descreve o mundo e a natureza tanto de maneira emocional, como intelectual. Seu estilo é solene e a composição calorosa e sonora. 
Sátira: sempre abordam temas polêmicos por meio da ironia e do sarcasmo, como a paródia. Veja a sátira “Opinião sobre Modas”, de Afrânio Peixoto.
“Que falta nesta cidade?… Verdade.Que mais por sua desonra?… Honra.Falta mais que se lhe ponha?… Vergonha.
O demo a viver se exponha,Por mais que a fama a exalta,Numa cidade onde faltaVerdade, honra, vergonha
Quem a pôs neste rocrócio?… Negócio.Quem causa tal perdição?… Ambição.E no meio desta loucura?… Usura.
Haicai: de origem japonesa, esse poema é composto de três versos, porém sem rima e com uma linguagem simples. Observe abaixo alguns exemplos desse tipo de Haicai do Brasil:
“Observei um lírio:De fato, nem SalomãoÉ tão bem vestido…”
 “Caçador de estrelas.Chorou: seu olhar voltouCom tantas! Vem vê-las!”(“O Poeta” de Guilherme de Almeida)
Hino: trata-se de uma composição musical que louva ou adora uma divindade ou nação, como o Hino Nacional Brasileiro.

Gênero Narrativo

Mais um dos gêneros literários é o lírico, ou como atualmente é chamado, narrativo. Sua principal característica é a narrativa de acontecimentos reais ou imaginários por meio de textos escritos em prosa. São estruturados por meio de uma introdução, desenvolvimento e conclusão, além de ser apresentado em discurso direto ou indireto.
É importante reforçar ainda que o texto narrativo possui os seguintes elementos: o narrador (conta a história), os personagens, enredo, tempo e espaço (local onde se passa a história). Podemos destacar como esse tipo de gênero:
Romance: é uma narrativa que apresenta várias tramas que se desenrolam no decorrer da história, com diversos personagens, além de tempo e espaço.
Conto: texto mais curto que o romance, breve e conciso, com temas fictícios e apenas um enredo. 
Novela: é uma história com uma narrativa mais extensa que o conto e mais curta que o romance. Apresenta vários enredos que estabelecem uma conexão entre si.
Fábula: é uma composição literária fantasiosa, que tem animais como personagens, muito comum na literatura infantil com o intuito de promover o ensinamento. 
Crônica: esse tipo de texto narrativo se baseia em acontecimentos factuais que permeiam o noticiário com características de ironia e humor. É geralmente escrito para jornais, revistas e rádios, e por conta disso, possuem vida curta.
Epopeia: é uma poema narrativo extenso que conta ações heroicas relacionados a fatos históricos ou lendários, como os poemas épicos. 

Fábula é uma composição literária fantasiosa que tem animais como personagens.
Fábula é uma composição literária fantasiosa que tem animais como personagens.

Gênero Dramático

Também com origem na Antiguidade, esse é um dos gêneros literários que envolvem a literatura teatral, que tem como principais elementos o autor, o texto e o público. Algumas subdivisões desse gênero são:
Tragédia: narra um acontecimento trágico que tem como principais temas os deuses, o destino ou a sociedade. Farsa: puramente caricatural, utiliza-se de acontecimentos corriqueiros e familiares com um tom cômico. Apresenta enredo curto e poucos autores.Elegia: os temas principais desse tipo de texto são a nostalgia e a tristeza ao engrandecer a morte de uma, por exemplo. 

Os Gêneros Literários na Antiguidade

Na Grécia Clássica, os textos literários se dividiam em três gêneros, que representavam as manifestações literárias da época:

O gênero épico: narrações de fatos grandiosos, centrados na figura de um herói. Segundo Aristóteles, a palavra narrada.

O gênero dramático: textos destinados para a representação cênica, na forma de tragédia ou na forma de comédia. Segundo Aristóteles, a palavra representada.

O gênero lírico: textos de caráter emocional, centrados na subjetividade dos sentimentos da alma. Segundo Aristóteles, a palavra cantada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *